Buscar

LINFOMA DE PELE



LINFOMA CUTÂNEO

Sem dúvida, um dos diagnósticos mais desafiadores em dermatopatologia. O linfoma, câncer originado dos linfócitos, nossas células de defesa, pode simular clinicamente muitas condições benignas inflamatórias ou infecciosas.


Na pele os linfomas podem ser primários ou infiltração de linfomas de outros órgãos, como linfonodos e baço, por exemplo.


Quais os fatores de risco? Dessa vez o sol é inocente…

Ter o sistema imunológico enfraquecido - por exemplo, pessoas com AIDS e transplantadas. Infecções por vírus HTLV-1, EBV, HIV e a bactéria Borrelia.


Certo, isso fica para informação, mas como faço para saber se tenho linfoma de pele? Os principais sinais são:


Pápulas (pequenas lesões semelhantes a espinhas)

Placas (lesões espessas, elevadas ou abaixadas)

Nódulos (protuberâncias maiores ou “dentro da pele”)


Essas lesões podem coçar, “descascar” e até sangrar...podem ser vermelhas ou arroxeadas e e geralmente aparecem em locais não expostos ao sol. Outros sintomas que podem estar associados são:


Febre

Perda de peso sem fazer dieta

Sudorese e calafrios, especialmente à noite

Coceira intensa no corpo.

Para a confirmação do diagnóstico de linfoma será necessária uma biópsia e, além dela, um exame imunoistoquímico… o diagnóstico é complexo!


Olhem as imagens, se examinem, conheçam sua pele! Tenham um/a bom/boa dermatologista de confiança!



Dra Olivia Grimaldi👩🏼‍🔬

Patologista, citopatologista

CRM-SP 120092

RQE 47796 e 47796-1


#aspirandosaude #secuide #procureumespecialista #patologia #citopatologia #paaf #cancer #dermatologia #dezembrolaranja

16 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo